CENTRO MULTIDISCIPLINAR UFRJ – MACAÉ

Coordenador: Professor Ranulfo Martins Carneiro Neto

Possui graduação em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal da Bahia (2010), mestrado em Modelagem Computacional pelo Instituto Politécnico da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (2017). Atualmente é Professor Assistente da Universidade Federal do Rio de Janeiro – Centro Disciplinar UFRJ – Macaé, sendo membro da equipe de Professores da Engenharia Mecânica. Principais linhas de pesquisa: Análise experimental e numérica de juntas coladas, adesão e aderência, fluência e elementos finitos. Possui experiência em obras de montagem eletromecânica e manutenção, com ênfase no planejamento, execução e controle de tubulações industriais. >> Currículo Lattes

Coordenador Substituto: Professor Anselmo Pestana Ribeiro Costa

Mestre em Informática pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – NCE – PPGI, Pós-graduado em Redes de Computadores pela União Educacional do Norte (2005), e em Administração Pública e Gerência de Cidades (2010) pelo Centro Universitário Uninter – Curitiba (PR). Tem experiência profissional e acadêmica nas áreas de Informática, Administração, Administração Pública, Georreferenciamento rural e Urbano, com ênfase em Sistemas de Informação, Robótica, Robótica Educacional (ver mais em currículo lattes). Atualmente é Professor Adjunto da UFRJ, atuando nas disciplinas de Programação computacional I e II (python), Algoritmos e Estruturas de Dados e Sistemas de Informação e na FeMASS (Faculdade Municipal Miguel Ângelo da Silva Santos) com as disciplinas de Programação Computacional I e II (C++), Introdução à Lógica, Pesquisa Operacional, Redes de Computadores, Gestão de Redes e Banco de dados. >> Currículo Lattes

Apoio Administrativo da Coordenação:

André Braehrme

Contato Acadêmico:

Com concepção inovadora, os cursos de graduação de Engenharia implantados pela UFRJ no Campus Macaé, sob orientação e responsabilidade da Escola Politécnica, foram escolhidos após um cuidadoso processo de análise das necessidades regionais e entendimentos com empresas, governo municipal e entidades locais representativas da sociedade civil.

A opção feita pelos cursos de Engenharia Civil, Engenharia Mecânica e Engenharia de Produção permitiu criar uma estrutura flexível que admite composições curriculares variadas baseadas na combinação de segmentos disciplinares destes Cursos. O caráter inovador da proposição dos cursos apresenta-se sob suas vertentes principais:

  • Conteúdos disciplinares que alarguem o horizonte intelectual e técnico-científico da formação do engenheiro e o faça considerar não apenas as consequências estritamente tecnológicas do seu fazer profissional;
  • Segmentação disciplinar das estruturas curriculares dos cursos, permitindo a construção de distintas composições curriculares e conjuntos de competências e habilidades, baseada no interesse academicamente orientado do discente sob o ponto de vista do seu exercício profissional futuro.

Os cursos de Engenharia devem ter, entre seus objetivos, o de formar engenheiros com competências e habilidades relativamente a conteúdos e métodos que:

  • Sejam suficientes para que possam identificar e delimitar, nos domínios de conhecimento de cada especialização, uma dada situação-problema, ou seja, um problema específico daquela "sua" engenharia; e sejam capazes de resolvê-lo;
  • Sejam suficientemente amplos e inter articulados para que possam reconhecer, em domínios correlatos do conhecimento, de qual outra especialização técnico-científico, mesmo além da engenharia, a dada situação é também um problema específico;
    Possam interagir com os respectivos especialistas; de forma mais geral, permita-os identificar quais são as implicações técnicas, tecnológicas, ambientais ou sócio-culturais mais amplas inerentes ao tratamento desta situação-problema.

INSTITUTO POLITÉCNICO

Os cursos de Engenharia Civil, Engenharia Mecânica e Engenharia de Produção implantados em Macaé objetivam formar engenheiros cuja qualificação (conhecimentos, habilidades e competências) os tornem aptos a atuar em diversos setores, seja no setor público, seja a serviço de empresas privadas ou como empreendedores de seus próprios negócios ou, ainda, em atividades de pesquisa e desenvolvimento científico-tecnológico.

Além disso, sua formação permitirá que identifiquem as implicações técnicas, tecnológicas, ambientais e sócio-culturais de seu fazer profissional para que as levem em consideração na tomada de decisões

  • Duração do curso:10 períodos / 5 anos
  • Turno de funcionamento: Diurno – Manhã/Tarde
  • Oferta anual de vagas: 120 vagas
  • Modalidade: Presencial
  • Critérios de seleção dos alunos: vagas ofertadas pelo ENEM (Sistema de Seleção Unificada do MEC)